Apesar da derrota, Seleção do Panamá ora e dá testemunho.

 

 panama

De joelhos no meio do campo, e orando juntos, vários com as mãos levantadas para o céu. Foi assim que a Seleção do Panamá agradeceu a Deus após o segundo jogo da Copa do Mundo. Apesar dos 6 a 1 da Inglaterra, na segunda derrota que decretou sua eliminação, os jogadores deram um belo testemunho de fé no campo.

Eles já haviam feito o mesmo no primeiro jogo, dia 18, contra a Bélgica, onde foram derrotados por 3 a 0.

Grande parte dos jogadores são evangélicos e eles parecem estar agradecidos por estarem participando da competição. É a primeira vez que o Panamá consegue se classificar. Além disso, o zagueiro Felipe Baloy marcou o primeiro gol panamenho da história da Copa do Mundo.

Conforme mostraram as câmaras, tanto os jogadores em campo quanto os torcedores nas arquibancadas comemoraram o único gol de seu time como uma grande vitória.A imagem dos jogadores orando correu o mundo.

Baloy escreveu em seu perfil no Twitter: “Graças a Deus, graças à minha família e graças ao Panamá, uma meta histórica para o meu país, os sonhos são realizados com base no trabalho e no esforço. #FéEmDeus”.

 

Fonte: Gospel Prime

logo